Ir para o conteúdo
ou

<span>bahia 1798</span>

 Voltar a Notícias Home
Tela cheia Sugerir um artigo

I Encontro Baiano de Mídia Livre acontece entre 10 e 13 de agosto

17 de Junho de 2016, 13:48 , por Pedro - 1414 comentários | 1 pessoa seguindo este artigo.
Visualizado 1153 vezes

Bannerencontrofinal
 

Programação__Em Rede__Painéis _Oficinas_ Inscrições

 

Salvador sedia primeiro Encontro Baiano de Mídia Livre

Realização do Bahia 1798, evento terá painéis e oficinas. Inscrições são gratuitas. 

Salvador vai sediar o primeiro Encontro Baiano de Mídia Livre entre os dias 10 e 13 de agosto. O evento, que acontecerá na Biblioteca Central dos Barris, é uma iniciativa da rede de mídia livre Bahia 1798. O objetivo é promover um intercâmbio e cooperação entre comunicadores populares ou comunitários, estudantes, artistas visuais, jornalistas, pesquisadores e produtores audiovisuais ou culturais. A programação inclui ações de formação em quatro painéis e dez oficinas, com convidados de todas as regiões do país.

Os temas das mesas vão desde marco na aspiração de liberdade e igualdade no país, a Revolta dos Búzios, em 1798, deflagrada por pasquins nas ruas de Salvador, até questões ligadas à democracia na internet, sustentabilidade na web, cultura livre e audiovisual. Já as oficinas, com duração de quatro horas, servirão para compartilhar experiências e discorrer sobre utilização das redes sociais, mecanismos de sustentabilidade, negociação de direitos autorais, design, fotografia e construção de sites.

Durante o evento também será lançada uma websérie sobre a relação da produção audiovisual com a internet no estado. A direção é do produtor cultural André Araújo, em parceria com o Núcleo Audiovisal do CULT (Centro Disciplinares de Cultura) da UFBA. A websérie ficará disponível na plataforma online.

O projeto iniciou-se com a construção de princípios midialivristas no Conselho Cultivo. O segundo passo foi um  mapeamento das iniciativas de mídia independente em todo estado indicadas por agentes de cultura, movimentos sociais e comunicadores. Ao final, todas ficaram disponíveis conforme perfil do conteúdo em plataforma de software livre desenvolvida pela Colivre.  

Vivemos em uma esquina histórica no atual cenário tecnológico e político. Ao mesmo tempo que a concentração midiática e o discurso de ódio se reconfiguram, também são fortalecidas expressões estéticas, políticas e até econômicas que reconhecemos como mídia livre. O objetivo do encontro é sedimentar as rotas já existentes destas expressões”, explica o coordenador geral do projeto, o jornalista e pesquisador Pedro Caribé.

A iniciativa é um Ponto de Cultura do programa Cultura Viva e tem apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda, Fundação Cultural do Estado da Bahia e Secretaria de Cultura da Bahia.

Sobre o Bahia1798

Com cerca de 230 iniciativas cadastradas, a rede de mídia livre Bahia 1798 busca mapear e compartilhar conteúdos que fortalecem a liberdade de expressão.  O nome é inspirado nos pasquins sediciosos que circularam nas ruas de Salvador em 12 de agosto de 1798, reivindicando temas como abolição da escravatura, proclamação da República e fim do preconceito, durante a Revolta dos Búzios. Você pode conhecer o processo e as iniciativas da rede em nosso site.  


1010 comentários

Enviar um comentário
  • Cfefdc3bcd35d149a374d510655c256e?only path=false&size=50&d=404MARIA ROSINA BORGES DA SILVA(usuário não autenticado)
    11 de Julho de 2016, 19:36

    INSCRIÇÃO

    Quero fazer minha inscrição para o 1º Encontro Baiano de Mídia Livre
    Nome:MARIA ROSINA BORGES SILVA
    Atividade:Pedagoga,coralista,articuladora
    Instituição:Secretaria estadual de Educação,CEPESC , CEPA.


  • B82d03e09fd264bcad68ba4650540137?only path=false&size=50&d=404armindo r pinto(usuário não autenticado)
    19 de Julho de 2016, 12:49

     

    Gostaria de realizar uma oficina de jogos e dinâmicas do Teatro do Oprimido. Este método que está em 70 países e foi criado pelo brasileiro Augusto Boal, é uma forma lúdica, artístico pedagógia de luta contra as diferenças, opressões de qualquer espécie, contra o racismo, machismo, homofobia, etc. Já realizei formações no Senegal, Cuba,Canadá, entre outros países. Em Salvador temos o GTO BAHIA que se reúne em Itapuã.É uma forma de comunicação, uma espécie de guerrilha, contra a comunicação que está nas mãos do poder hegemonico.


  • Be3e33cb9c6aa08325d4585078a2df09?only path=false&size=50&d=404Joseane Rosa(usuário não autenticado)
    19 de Julho de 2016, 13:06

    Como faz a inscrição?

    Bom dia, eu li o texto e não encontrei a informação de onde realiza a inscrição. vocês podem me encaminhar o link?


  • 68d1bcf55814023002e6bd67992a87ca?only path=false&size=50&d=404ricardo oliveira de freitas(usuário não autenticado)
    19 de Julho de 2016, 17:23

    Fórum Mídia Livre.

    Eu quero!!!!! Como faço? Abs. Ricardo Freitas. Professor UNEB.


  • Img 3691 minorPedro Caribé
    20 de Julho de 2016, 19:23

    Inscrição aberta

    Caros, as inscrições reabriram já!
    Vamos em frente.


  • 33b93633a3db528bd5a0064ad7c51058?only path=false&size=50&d=404Romero Mateus(usuário não autenticado)
    23 de Julho de 2016, 17:12

    Inscrições

    Inscrições, como? Reabriram ou reabrirão? E quando?


    • Img 3691 minorPedro Caribé
      23 de Julho de 2016, 20:59

      Estão abertas

      Sim, estão abertas, é só clicar onde tem escrito "inscrições".

      abs


  • C54e0360917dbfcb3ebc8a4dd1560e69?only path=false&size=50&d=404isis cristine dos santos braz(usuário não autenticado)
    8 de Agosto de 2016, 20:14

     

    olá nao consegui fazer minha inscrição. onde a faço? e o horario? tambem não vi discriminado???
    obrigada


  • C7e917d5e56d236e139859c28e632186?only path=false&size=50&d=404Ronny Brayner(usuário não autenticado)
    10 de Agosto de 2016, 14:03

    Como fazer inscrição?

    Ola, estou interessado em participar do evento, mas assim como várias pessoas não consigo encontrar a parte para fazer a inscrição.


Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.